Grupo Bonfiglioli recebe o Prêmio Leonardo
< voltar

Grupo Bonfiglioli recebe o Prêmio Leonardo

No dia 25 de janeiro, em uma cerimônia realizada no Quirinale, Sonia Bonfiglioli, diretora executiva da Bonfiglioli Riduttori SpA, recebeu o Prêmio Leonardo pelo presidente da república italiana, Giorgio Napolitano.

O Prêmio Leonardo é concedido pelas realizações na demonstração e manutenção da qualidade das exportações italianas. Após um longo processo de seleção, o prêmio foi concedido à Bonfiglioli em reconhecimento à reputação da empresa pelo crescimento através da inovação.

A Bonfiglioli é um grupo internacional com subsidiárias em todo o mundo e unidades de produção que empregam uma força de trabalho total de cerca de 3000 pessoas na Itália, Eslováquia, Índia e Vietnã. O Grupo Bonfiglioli está rapidamente se tornando um importante fornecedor também na área de energia sustentável.
Ao investir fortemente no desenvolvimento e produção de componentes para os setores de energia eólica e fotovoltaica e continuar mantendo o controle sobre o tradicional mercado de redutores para transmissão de potência, a Bonfiglioli conseguiu crescer e se tornar a empresa líder em novos mercados.

A Bonfiglioli foi a vencedora do Prêmio Leonardo em conhecimento à capacidade da empresa de interpretar as mudanças no mercado e escolher as melhores estratégias não apenas para o crescimento, mas também para a segurança da sua altamente qualificada força de trabalho. Em seu anúncio, o comitê de seleção descreveu a Bonfiglioli como um modelo de indústria internacional e um embaixador italiano da excelência italiana em todo o mundo.

O comitê, presidido por Luisa Todini, inclui figures de destaque tais como Laura Biagiotti, o embaixador Umberto Vattani e Nerio Alessandri.
Os fundadores do Prêmio Leonardo incluem a Confederação da Indústria Italiana e o Instituto Italiano de Comercio Exterior.